Condomínios residenciais fazem mutirão contra o aedes aegypti

A preocupação com as doenças causadas pelo mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika, tem levado a população a se mobilizar cada vez mais no combate ao vetor que vem causando graves problemas na saúde pública brasileira e aterrorizando especialmente as mulheres grávidas, devido ao risco de provocar a microcefalia em bebês.

Em Campina Grande, a luta contra o mosquito está mobilizando cada vez mais pessoas e, nos condomínios residenciais da cidade, várias têm sido as ações para evitar que o mosquito se prolifere. Para que o envolvimento de crianças, jovens e adultos seja cada vez mais efetivo nesta batalha pela vida, alguns condomínios estão realizando mutirões contra o aedes aegypti.

No Serraville Residence Privê, por exemplo, condomínio horizontal localizado próximo ao Hospital de Trauma de Campina Grande, os moradores irão realizar no próximo sábado (20), a partir das 15h, uma força tarefa para eliminar possíveis focos do mosquito e conscientizar a todos sobre a importância dos cuidados básicos, mas fundamentais, para evitar que sérios problemas de saúde afetem os moradores do residencial.

Apesar de fazer um trabalho constante de limpeza em toda a área do condomínio, que envolve ao todo 470 lotes, a administração do local tem uma preocupação especial com os terrenos onde ainda não há construção edificada e acabam servindo de apoio para guarda e/ou descarte de materiais de construções vizinhas. Nestes espaços, muitas vezes os trabalhadores das obras jogam vasilhas e potes, sem descartá-los adequadamente e, sem o devido cuidado, podem se transformar em foco do aedes.

“No dia a dia, os funcionários do condomínio ficam atentos e observam onde há material descartado que pode facilitar a proliferação do mosquito para providenciar a coleta adequada e eliminação do perigo, mas são muitos lotes, com moradias, em construção ou sem nenhuma edificação, e quanto mais pessoas auxiliarem nessa luta melhor será para todos. Por isso estaremos reunindo os moradores para uma grande vistoria em cada lote, com a participação também dos nossos funcionários. A ideia é fazer um ‘pente fino’ nas ruas, canteiros, áreas comuns do condomínio, terrenos. Não vamos dar trégua ao mosquito e, no Serraville, não vamos deixá-lo fazer morada”, ressalta Liz Wallace Costa, síndica do condomínio.

A expectativa da administração do condomínio é que o mutirão contra o aedes realizado no Serraville Residence Privê sirva de exemplo para outros condomínios e, desta forma, com ações engajadas, cada bairro e a cidade como um todo aumentem sua proteção contra o mosquito vetor e fiquem livres das doenças transmitidas por ele. O condomínio fica localizado na Avenida Floriano Peixoto, 5255, Serrotão, Campina Grande – PB, próximo ao Hospital de Urgência e Emergência Dom Luiz Gonzaga Fernandes.

Fonte: Portal Paraíba Total